BEM (vem) VINDO





ENTRE SEM BATER, TIRE OS SAPATOS E TRAGA ALGUMAS MOEDAS



quarta-feira, 26 de junho de 2013

ele.


 
ele fica pra guardar minhas máscaras em um baú.
ele beija meu rosto antes de dormir e minha boca pela manhã.

se com os outros não cabia em culpa,
com ele acordo em paz.

por mais que deseje os estranhos em suas jaquetas de couro,
gosto mais de quem tem gosto e alma doce.

Um comentário:

obrigada por me ler. SEJA SEMPRE.