BEM (vem) VINDO





ENTRE SEM BATER, TIRE OS SAPATOS E TRAGA ALGUMAS MOEDAS



domingo, 30 de janeiro de 2011

NOS DESEJO FORÇA

não teve medo. engoliu a fúria. abriu os punhos e respirou livre. derramando a lágrima doce da escolha.

Um comentário:

  1. Lágrimas que caem feito temporal, desabando colinas de emoções!

    ResponderExcluir

obrigada por me ler. SEJA SEMPRE.