BEM (vem) VINDO





ENTRE SEM BATER, TIRE OS SAPATOS E TRAGA ALGUMAS MOEDAS



terça-feira, 12 de abril de 2011

imensa

foi na cama que costurou seus pedaços em algodão, carne macia e linha. e lavou a tinta negra de inesperada água salgada, dessa que verte dos olhos. sentiu mil olhos na face banharem o lençol e o trânsito parado nas ruas de seu peito denunciava o terrível acidente da alma. pra onde se vai em pedaços..?


3 comentários:

  1. não cheguei lá!
    precisi e mais detalhes...

    ResponderExcluir
  2. Bem profundo, faz a gente parar para pensar melhor...

    Saudações!

    ResponderExcluir

obrigada por me ler. SEJA SEMPRE.